Munícipes e amigos de Albergaria-a-Velha já começaram a votar no Orçamento Participativo

As 38 propostas que foram aceites no processo do Orçamento Participativo de Albergaria-a-Velha já começaram a ser votadas. A fase de votação, que termina no dia 8 de janeiro de 2016, é o culminar de um processo que deu início no verão deste ano, com a realização de oito assembleias participativas.
As propostas a concurso são muito variadas, muitas delas não se resumem apenas a uma freguesia e todas foram analisadas tecnicamente pelos serviços municipais. Em alguns casos as propostas foram adaptadas ou fundidas com outras semelhantes, de forma a assegurar a sua eventual execução. Noutros casos, as propostas já estavam incluídas no Orçamento Camarário para 2016.
A maior parte dos projetos em votação referem-se à instalação de equipamentos, como jardins, parques infantis, infraestruturas de apoio. Em grande número surgem também propostas para obras de reabilitação ou de melhoria de estruturas já existentes. Em menor número foram avançadas propostas para a realização de eventos.
Albergaria-a-Velha e Valmaior é a freguesia mais representada nos projetos em votação, logo seguida de Angeja, S. João de Loure e Frossos, Ribeira de Fráguas, Alquerubim e Branca. De registar que existem seis propostas que abrangem as seis freguesias Albergarienses.
De acordo com o Presidente da Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha, o Orçamento Participativo permite aos Munícipes “perceber todo o processo de execução de uma proposta, os seus custos, os meios necessários para implementá-la. Recebemos 90 propostas, que tivemos que estudar e avaliar e reunimos 38 com potencial para virem a ser uma realidade. Compete agora aos Munícipes e a todos os que se interessam por Albergaria escolher aquilo que consideram melhor para a sua terra”, explicou António Loureiro.
A votação nos projetos apresentados é feita exclusivamente na plataforma digital Albergaria Participa, em op.cm-albergaria.pt. A votação é aberta aos munícipes e amigos de Albergaria-a-Velha, emigrantes, trabalhadores no Concelho, mas residentes noutro, qualquer pessoa que se interesse pelo Município e tenha um e-mail válido.
As pessoas que não têm Internet ou tenham dificuldade em interagir com a plataforma Albergaria Participa, podem deslocar-se à Casa Municipal da Juventude ou à Biblioteca Municipal e solicitar apoio para proceder à votação. As Juntas de Freguesia Albergarienses também prestam apoio durante a votação.
A Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha disponibilizou uma verba de 100 mil euros para execução das propostas vencedoras na primeira edição do Orçamento Participativo. Depois de escolhidos os projetos, a Autarquia dispõe de 24 meses para proceder à sua execução.

Fonte cm-albergaria.pt